Arquivo da Categoria: marcas do selim

crónicas, relatos e afins, das longas pedaladas por essas estradas afora

um fim de semana em cheio

No sábado fui à aldeia, por um caminho duraDouro. Com um brilhozinho nos olhos voltei às curvas pelas velhas estradas património, EN108 e EN222. Se nos primeiros quilómetros para o interior o vale do Douro se apresentava fresco e enevoado, … Continuar a ler

Publicado em marcas do selim, motivação | Etiquetas , , , , , , , , , , , , , | 2 Comentários

Porto-Fátima-Porto, uma santa volta

Nas minhas pedaladas pós-laborais casualmente encontro o jovem Jacinto  em pedaladas recreativas mais a sua mui querida Branquinha. Bem, a probabilidade de o encontrar a pedalar uma das suas bicicletas no eixo marginal Matosinhos/Freixo são fortes, pois o Jacinto nas … Continuar a ler

Publicado em marcas do selim | Etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , | 6 Comentários

isto é Lousã

Por desafio do Rui voltei a trilhar calhaus e terra, salpicar de lama o traseiro, atirar-me de cabeça, literalmente, duas das vezes para o meio do silvado para depois ter de ser resgatado, senão ainda lá estava a servir de … Continuar a ler

Publicado em marcas do selim | Etiquetas , , , , , , , , , , , | 4 Comentários

doce de Páscoa

Esta coisa de agora se dar nome às tempestades que assolam a terrinha e o Sul da Europa está a deixar São Pedro com ideias. Se em meados de Dezembro com a tempestade Ana se deu o início à contagem, … Continuar a ler

Publicado em marcas do selim | Etiquetas , , , , , , , , , , , , , | Publicar um comentário

receita para a doçaria natalícia

Véspera da véspera da véspera de Natal, recebo uma prenda antecipada, em forma de desafio, do meu amigo Rui: “Sábado, como é que é? Dámos uma volta para preparar a consoada?” Bora lá, mas tem de ser uma boa volta, … Continuar a ler

Publicado em marcas do selim | Etiquetas , , , , , , , , , , , | 1 Comentário

da série: dona Etielbina vai para a aldeia [parte II]

(continuação) Com um brilhozinho nos olhos voltei às curvas da EN108. A velha estrada património liga-me a Frende, leva-me até ao Castelo, a um lugar de afectos, à aldeia dos meus avós, à terra da minha mãe. Assim que passei … Continuar a ler

Publicado em marcas do selim | Etiquetas , , , , , , , , , , , | Publicar um comentário

Gerês revisitado, um brevet que ficará registado

Sábado foi dia de revisitar o Gerês em mais uma voltinha “randoneira”, o último brevet da época dos Randonneur Portugal. Com a mesma emoção e entusiasmo de sempre, fomos pedalar pelos encantos do Gerês e voltar. Coisa pouca, pouco mais … Continuar a ler

Publicado em marcas do selim | Etiquetas , , , , , , , , , , , | 2 Comentários

o verão está de férias e as férias estão aí à porta

A manhã de Sábado acordou fresca. Olho para cima e um céu pardacento e carrancudo me cumprimenta. Ultimamente não tenho pedalado para longe o suficiente, assim o convite do Jacinto para ir almoçar a Moledo, onde está a passar as … Continuar a ler

Publicado em marcas do selim | Etiquetas , , , , , , , , , , , | 2 Comentários

uma semana bem passada

Após alguns dias de vida boa, ar puro e muito calor, os momentos passados na praia e à beira rio, a pedalar pela estrada da memória ou meio perdido no monte, deixam sempre boas recordações e uma enorme vontade de … Continuar a ler

Publicado em marcas do selim | Etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , | 1 Comentário

depois da descoberta, a gastronomia do Maria Rita

Se a longa jornada anterior tinha sido dedicada à descoberta do lugar onde iríamos pernoitar, o dia seguinte seria todo ele para desvendar a aldeia do Romeu e os seus encantos. O sol despertou, a preguiça e a estafa não me prenderam … Continuar a ler

Publicado em marcas do selim | Etiquetas , , , , , , , , , , , , , , | 6 Comentários