prevet, (P)RM 200 Vindimas no Douro

Zé Ferreira, Fernando Magalhães, Manuel Miranda, eu, Jacinto Oliveira e Zé Ferreira júnior

Zé Ferreira, Fernando Magalhães, Manuel Miranda, eu, Jacinto Oliveira e Zé Ferreira júnior

A preparação e organização de um brevet randonneur começa com vários meses de antecedência. Traçar um plano, definir calendário, delinear a rota, escolher postos de controlo, só se fazem como deve de ser pegando na bicla e sair a pedalar para um Prevet, ou seja, um reconhecimento no local. E assim fomos, aproveitar o convidativo e escaldante dia para pedalar, Douro acima e Douro abaixo, num belo dia de Setembro que pedia mais para estar resguardado num guarda-sol na praia e um mergulho no mar, do que suadelas a dar às perninhas em cima de um selim.

O ponto de partida seria em Entre-os-Rios e a ideia o reconhecimento para um Brevet Randonneurs Portugal de 200km, dando uma volta pelo Alto Douro vinhateiro. A data, é claro, coincidiria com as vindimas, sendo esse o nome sugerido para a aventura a realizar no próximo ano. O sábado, naturalmente por espremer-se entre uma sexta e um domingo, foi um dia perfeito e completamente revigorante entre amigos, bicicletas, caminhos deslumbrantes e cromos autárquicos da campanha eleitoral. Fique claro que o fascinante Vale do Douro só é convidativo se nos propormos ao desafio com desejo, pois o percurso para, e da Régua, tanto pela N108 como pela N222, é um exigente e sucessivo sobe-e-desce. Não é brincadeira de criança.

No entanto, convém lembrar que a ideia era viajar relaxada e serenamente, sendo as principais preocupações de carácter produtivo, conferir a navegação e estabelecer os pontos de controlo. Mas essa função estava entregue a outro e assim deixei-me flutuar pela estrada, pelos odores, pelos calores. As vistas e as memórias são fantásticas, e isso era o que me importava. E não me esqueci da máquina fotográfica, até porque desta vez pedalava pelo miradouro da minha S. Petersburg, a aldeia do Lugar do Castelo, ao longo da margem do meu Mississippi, o Douro, onde fui feliz, pirata e até descobri tesouros.

Esta melancolia TomSawyer(iana) soltou-se do corpo e da alma, pela leveza que sentia, pela simplicidade e beleza dos locais por onde passava, ao longo do rio pela memória que nos acompanhava. Ora, se a bicicleta nos dá uma liberdade de ir e vir que outros meios de transporte não sonhariam, para quê complicar tudo, desvirtuando o estado de espírito! Nada disso pôde, no entanto, distrair-me do cansaço que a bicicleta e a distância impõem. Houve momentos em que a sensação era de estar a pedalar dentro de um forno.

A pausa para um bom almoço na Régua foi prolongada e tranquilamente esperamos o melhor momento para agredirmos a estrada, a suave N222 até ao Pinhão, onde daríamos meia volta.  E porque quem viaja de bicicleta quer simplificar a vida, qualquer subida, qualquer fonte à beira da estrada, qualquer vontade de beber um panaché misturado na caneca, era um subterfúgio para parar e recarregar baterias. Mas o sol foi desaparecendo, os quilómetros foram passando e, quando vimos, já tínhamos mais de cento e cinquenta deles. Em Resende, encontramos a meta desta nossa aventura. A sede e a fome eram de leão. Por uns instantes, todo o meu cansaço tinha desaparecido. Sobrevivemos, e foi divertido.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Sobre paulofski

Na bicicleta. Aquilo que hoje é a minha realidade e um benefício extraordinário, eu só aprendi aos 6 anos, para deixar aos 18 e voltar a ela para me aventurar aos 40. Aos poucos fui conquistando a afeição das amigas do ambiente e o resto, bem, o resto é paisagem e absorver todo o prazer que as minhas bicicletas me têm proporcionado.
Esta entrada foi publicada em marcas do selim com as etiquetas , , , , . ligação permanente.

Uma resposta a prevet, (P)RM 200 Vindimas no Douro

  1. Pingback: uma voltinha pelo Douro | na bicicleta

apenas pedalar ao nosso ritmo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s