momento rabo de saia

Quem me dera estar neste momento na garupa da bicla a pedalar sem rumo. Ou então na minha praia, onde o calor nunca é demais e faz sempre vento, espojado na areia a tostar a pele. Até que sabe bem este calor outonal, este dia luminoso que faz lá fora. Faz-nos andar colados às calças de ganga, desesperar por tirar mais roupa na esperança de refrescar, mas a verdade é que o calor faz dores de cabeça e ofereceu-me um pingo no nariz à pala de uma corrente de ar e deste solinho!!! Boa semana.

Anúncios

Sobre paulofski

Na bicicleta. Aquilo que hoje é a minha realidade e um benefício extraordinário, eu só aprendi aos 6 anos, para deixar aos 18 e voltar a ela para me aventurar aos 40. Aos poucos fui conquistando a afeição das amigas do ambiente e o resto, bem, o resto é paisagem e absorver todo o prazer que as minhas bicicletas me têm proporcionado.
Esta entrada foi publicada em motivação com as etiquetas , , , . ligação permanente.

4 respostas a momento rabo de saia

  1. Uma bela altura para se andar numa bicla reclinada.

    Gostar

  2. paulofski diz:

    Já que falas nelas Miguel, teria gostado de testar estas trikes que encontramos na nossa passagem pelo Rio Minho, a caminho de Santiago.

    Gostar

  3. Niagara diz:

    Andar de bicicleta, entre outras coisas, faz bem à vista… 😉

    Gostar

  4. paulofski diz:

    Niagara, é cá um regalo andar de bicicleta, entre outras coisas… evidentemente! B-)

    Gostar

apenas pedalar ao nosso ritmo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s