opções

Domingo à tarde. Orla marítima de Gaia, entre Canidelo e a praia da Madalena. Domingueiros a passo de caracol “compactam” o trânsito. É recorrente. Uns a ouvir o relato, outros com os miúdos no banco de trás de nariz colado ao vidro. Engarrafados, aqui e ali, passam uma tarde de domingo aborrecida, à procura de um lugar para estacionar a geringonça, quando poderiam estar a passear à beira mar num veículo sem motor e aproveitar esta ciclovia. E ainda se queixam que a gasolina está cara!

Sobre paulofski

Na bicicleta. Aquilo que hoje é a minha realidade e um benefício extraordinário, eu só aprendi aos 6 anos, para deixar aos 18 e voltar a ela para me aventurar aos 40. Aos poucos fui conquistando a afeição das amigas do ambiente e o resto, bem, o resto é paisagem e absorver todo o prazer que as minhas bicicletas me têm proporcionado.
Esta entrada foi publicada em fotopedaladas, motivação com as etiquetas , . ligação permanente.

apenas pedalar ao nosso ritmo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s