cavalgaduras e outras criaturas

É habitual ver uma dupla de militares da GNR sair do Quartel do Carmo em patrulha a cavalo. É rotineiro ver a dupla de militares da GNR pela cidade, a patrulhar passear de cavalo, nomeadamente no eixo Carmo – Foz – Carmo. Antes ir a cavalo do que ir a pé, pois com certeza, mas hoje em dia faz mais sentido, para mim, que os guardas, os da GNR e os da PSP, façam as patrulhas em bicicleta. Mas, tradições são tradições.

Bom, mas mais do que compreender a necessidade de patrulhar e levar os animais à rua, alcanço ainda menos a lógica do dueto cavalgar em plena ciclovia. Ora, as ciclovias já são tão desadequadas aos ciclistas que, para além de terem de levar com a presença de peões assarapantados, corredores amadores e loucos em trotinetes, se lhe acrescentarmos equídeos de grande porte, pedalar por uma ciclovia do Porto fica um bocado pior.

Depois, para piorar ainda mais o cenário, há a questão dos “presentes” que as cavalgaduras depositam no piso betuminoso / ciclável. Ora, se uma pessoa sai à rua com o seu cãozinho para as necessidades do jeco e depois, civicamente, tem de apanhar os cagalhotos para um saquinho, já os senhores guardas nem dão conta do “aliviar da carga”, continuam garbosamente a sua patrulha / passeio, deixando atrás de si um rasto de bosta. Imagino que seja maçador estar a desmontar do cavalo para apanhar a merda que o animal fez!

E o ecológico do ciclista? Bom, se o ciclista pretende dar uso à ciclovia da Foz, que por si só já é uma cagada, tem de torcer o nariz e fazer uma chincane contornando os “polícias” para não borrar o pneuzinho. E é se quer!

Sobre paulofski

Na bicicleta. Aquilo que hoje é a minha realidade e um benefício extraordinário, eu só aprendi aos 6 anos, para deixar aos 18 e voltar a ela para me aventurar aos 40. Aos poucos fui conquistando a afeição das amigas do ambiente e o resto, bem, o resto é paisagem e absorver todo o prazer que as minhas bicicletas me têm proporcionado.
Esta entrada foi publicada em ele há coisas! com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . ligação permanente.

apenas pedalar ao nosso ritmo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s