ode às manhãs de domingo

Castelo de Guimarães

Assim é, certamente, o meu perfeito começo de dia. Quer dizer, em parte  sinto essa alegria também nas primeiras horas dos dias úteis, mas num domingo preguiçoso tem um sabor diferente. Sem um caminho obrigatório ou horas a cumprir, apenas um cardápio de lugares tão bonitos à escolha onde podemos ir e voltar. Às sete e pouco é uma hora excelente para começar a pedalar. Tem-se uma sensação de exclusividade das primeiras horas da manhã. Acontece que na garupa da bicicleta, aquele amanhecer enevoado é contagiante, o ar puro, a fresca da morrinha e todos os possíveis estímulos abrem demais o apetite de dar ao pedal. Talvez por isso, não foi em ritmo de passeio que nem um par de horas depois, já estávamos em Guimarães.

Depois da reposição de calorias, de desorientação pelo trecho urbano do centro histórico, o limite seria chegar ao topo do Monte da Penha, lugar que me era desconhecido. Lá em cima a vista é bonita demais, dizem, onde se contempla a cidade berço e a verdejante paisagem minhota. A escalada é difícil, mas como um alpinista que chega ao pico e fica fascinado pela paisagem,  desoladamente, lá em cima, apenas tentei imaginar o vislumbre da cidade e de quantos lugares incríveis estaria o nevoeiro a esconder. Para partilhar o momento, as bicicletas ficaram encostadas à grade, em pose para a fotografia, enquadras naquele enorme quadrado cinzento, enquanto os ciclistas arrefeciam a carcaça. Estávamos ainda a meio da manhã, com metade da pedalada, assarapantados no regresso por alguns condutores de domingo.

miradouro da Penha

caprichadas, da esqª para a dtª, as meninas do Tiago Silva, do Ricardo Cruz, a minha e a do Rui Morais

Sobre paulofski

Na bicicleta. Aquilo que hoje é a minha realidade e um benefício extraordinário, eu só aprendi aos 6 anos, para deixar aos 18 e voltar a ela para me aventurar aos 40. Aos poucos fui conquistando a afeição das amigas do ambiente e o resto, bem, o resto é paisagem e absorver todo o prazer que as minhas bicicletas me têm proporcionado.
Esta entrada foi publicada em passeio com as etiquetas , , , , , , . ligação permanente.

apenas pedalar ao nosso ritmo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s