de bicla até à Lello

Mais uma vez a Livraria Lello & Irmão, uma pérola do Porto e para mim a mais bela do mundo, recebe as mais diversas distinções mundiais. Desta vez foi a revista Time que publicou um artigo dedicado à prestigiada livraria, elogiando o espaço que foi restaurado em 1995 pelo arquiteto português Vasco Morais Soares, permitiram que continuasse a manter o seu esplendor e um espaço icónico da cidade.

“Ir ao Porto sem visitar a Lello, é como ir a Roma e não ver o Papa”. Quem o disse foi o proprietário do espaço, Antero Braga, e a Time citou-o no seu artigo. A livraria Lello nasceu em 1906 e já foi distinguida pela imprensa internacional como uma das mais bonitas do mundo.

“Uma evocação espetacular do neogótico construído para mostrar a riqueza local, com uma fachada de frente para a icónica Torre dos Clérigos”, é uma das descrições feitas pela revista norte-americana. A livraria possui um total de 120 mil volumes que podem ser consultados enquanto se ouve música ambiente.

Anúncios

Sobre paulofski

Na bicicleta. Aquilo que hoje é a minha realidade e um benefício extraordinário, eu só aprendi aos 6 anos, para deixar aos 18 e voltar a ela para me aventurar aos 40. Aos poucos fui conquistando a afeição das amigas do ambiente e o resto, bem, o resto é paisagem e absorver todo o prazer que as minhas bicicletas me têm proporcionado.
Esta entrada foi publicada em divulgação com as etiquetas , , . ligação permanente.

apenas pedalar ao nosso ritmo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s