de Famalicão, por Anadia, à Noruega… notícias de bicicleta

Cycling-Romania-Euro-Velo-6-2

foto: http://www.worldwidecyclingatlas.com Cycling-Romania-Euro-Velo-6-2.jpg


Famalicão quer mudar paradigma da mobilidade

“Uma cidade cada vez menos voltada para os automóveis e mais amiga do meio ambiente. Este é o desejo do presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha, que esta segunda-feira, 22 de setembro, esteve na Escola Secundária D. Sancho I para a apresentação pública da primeira fase do projeto da Rede Ciclável Urbana.

A intervenção anunciada esta manhã pelo autarca famalicense está relacionada com a implementação de uma via ciclável de ligação entre o Parque 1º de Maio e o Parque da Devesa e diz respeito à primeira de seis linhas que compõem a Rede, intitulada de “Ciclovia Central”. A execução desta obra terá início ainda este ano e rondará os 200 mil euros.”… (continua a ler o artigo aqui)

Município anuncia criação de ciclovias entre Anadia, Curia e o Velódromo de Sangalhos.

“A Câmara de Anadia aproveitou a Semana Europeia da Mobilidade para revelar que vai desenvolver projetos de vias cicláveis entre pontos turísticos do Município. Durante a apresentação do projeto “AND – Mobilidade em Bicicleta no Município de Anadia” e da apresentação do protótipo da bicicleta “b-AND”, designações assentes na abreviatura oficial de Anadia, que figurava nas antigas chapas de matrícula dos velocípedes, o Município confirmou que o projeto contempla uma ciclovia que ligará, numa primeira fase, o CAR de Anadia (Velódromo de Sangalhos) à sede do concelho, e, numa segunda fase, Anadia à Curia.

Esta ciclovia será servida por cinco estações de parqueamento de bicicletas públicas “b-AND”, que terão uma gestão integrada.
Foram, ainda, apresentadas as restrições à circulação de veículos pesados no centro da cidade de Anadia. A nova distribuição de trânsito contribui, assim, para a promoção da circulação de meios de transportes menos poluentes, e, a par de uma mudança de hábitos dos cidadãos, procura “melhorar a qualidade do ar no centro da cidade”.” (daqui)

De Portugal à Noruega… de bicicleta

“A rede EuroVelo lança uma nova proposta de mobilidade: a bicicleta pode, para além dos trajetos quotidianos, levar-nos até ao outro lado da Europa. Oito trajetos fazem rotas Norte-Sul e seis atravessam o continente no sentido Este-Oeste. Existem ainda duas rotas circulares na Escandinávia, em torno do Mar Báltico e do Mar do Norte.

A única extensão da rede em território português é a Rota 1 – Rota da Costa Atlântica, que se inicia nas praias do Mediterrâneo e termina nos dramáticos fjords escandinavos. Começa em Sagres, passa por Faro e estende-se por Espanha, França, Irlanda e Reino Unido até chegar à Noruega. O percurso só está a funcionar a 100% em França e na maior parte do Reino Unido, estando o restante em fase de construção e planeamento.” (daqui)

Anúncios

Sobre paulofski

Na bicicleta. Aquilo que hoje é a minha realidade e um benefício extraordinário, eu só aprendi aos 6 anos, para deixar aos 18 e voltar a ela para me aventurar aos 40. Aos poucos fui conquistando a afeição das amigas do ambiente e o resto, bem, o resto é paisagem e absorver todo o prazer que as minhas bicicletas me têm proporcionado.
Esta entrada foi publicada em divulgação com as etiquetas , , , , , , , , , , . ligação permanente.

apenas pedalar ao nosso ritmo.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s